Comentários Semanais – Cross Ange #01

CrossAnge01_023

“Meu nome é Ange. Eu vou sobreviver. Matar e sobreviver.”

E aeeeeeeeeee, galera. Tudo certo? No fim das contas, não resisti e decidi comentar Cross Ange neste endereço eletrônico. Este blog tem a principal função de transmitir minha visão mais crítica a respeito daquilo que assisto ou leio, deixando para meu twitter e tumblr apenas surtos, mas sinceramente não sei se o título do post deveria ser comentários semanais ou surtos semanais, porque foi difícil escrever sem surtar (LOL). Juro que tentei equilibrar um pouco de tudo nas próximas linhas, mas depois me falem nos comentários se consegui ou não 😉

CrossAnge01_060

Cross Ange: Tenshi to Ryuu no Rondo #01

Princesa Caída

Cross Ange chamou a atenção de muitas pessoas desde o lançamento de seu primeiro vídeo promocional, apresentando um universo bishoujo onde mechas e dragões também estariam presentes. Além disso, ainda tivemos a divulgação que a animação contaria com staff e cast muito bons, com devidos destaques ao diretor Yoshinaru Ashino, produção criativa de  Mitsuo Fukuda (diretor de Gundam SEED), a cantora Akiko Shikata por trás de uma ótima OST e Nana Mizuki, como seiyuu (dubladora) da protagonista e responsável pela composição da opening (abertura). Mas e aí? O primeiro episódio correspondeu? Diria que sim, mas o que teve de polêmica… Vish! Bom, deixemos a polêmica pro final, vamos comentar de outras coisas primeiro (LOL).

Gif_CrossAnge01-003O estúdio Sunrise dificilmente faz uma animação ruim, e o que vimos em Cross Ange foi a boa entrega de sempre. As primeiras cenas mostraram uma luta simples entre mechas e dragões e ERA ISSO QUE EU QUERIA VER MEU DEUS DO CÉU! É PRA ISSO QUE TÔ VENDO ESSA JOÇA SOCORRO! DHJSHDASKJDHASKD Como fã de mechas,  sempre procuro me atentar ao máximo de detalhes possíveis no que se diz a respeito aos robôs gigantes; o painel de controle da protagonista foi bem chamativo e muito bem desenhado; o CG dos robôs ficaram bons assim como a transformação deles de flight mode para assult mode; os círculos mágicos do DRAGON – Dimensional Rift Attuned Gargantuan Organic Neotypes – deste episódio também estavam ótimos assim como o próprio design do mesmo feito por Kazutaka Miyatake; a luta em si foi bem simples como já dito, mas para um primeiro episódio foi ótima a fim de mostrar o que podemos ver daqui pra frente. Os character design estavam excelentes e só devo reclamar deles mais pra frente, pois é provável que haja uma queda na qualidade com o passar dos episódios, o que é até aceitável.

CrossAnge01_009Sobre a trilha sonora… ALGUÉM ME AJUDA A RESPIRAR COM ESSA OST DA SHIKATA, SENHOR AMADO! WHY SO PERFECT? Desculpem, mas a Shikata é FODA! Se você gosta de celtic music e não ouviu nenhum álbum dela, não sabe o que está perdendo. Ela canta DEMAIS ❤ E como todos puderam ver, como compositora ela também não falha! Não importava se era uma música mais dramática, lírica ou a tensão de uma batalha, lá estava ela entregando um bom trabalho neste episódio. Sensacional ainda foi a convergência com as cenas! Nos primeiros minutos do episódio, nossa protagonista Ange dublada pela melhor pessoa do universo, Nana Mizuki, canta uma insert song maravilhosa e o refrão dela aparece no exato momento em que os dragões vêm para cima das meninas aí você pensa “CARACA, E AGORA? AI MEU DEUS, TÁ VINDO, TÁ VINDO TUDO PRA CIMA DELAS E EITAAAAAAAAA OS MECHAS SE TRANSFORMARAM AI SOCORRO”. CrossAnge01_033Tudo bem que essa foi minha reação, não necessariamente sua, mas a música ajudou muito a proporcionar estas exatas sensações que descrevi acima. Além disso, foi um sonho ouvir a melhor seiyuu dos anos 90 cantando junto com a melhor seiyuu da atualidade sendo que as duas são mãe e filha na animação. SUNRISE, COMO EU TE AMO! VOCÊS FIZERAM A MEGUMI HAYASHIBARA E A NANA MIZUKI CANTAREM JUNTAS! EU VI A CENA SEI LÁ QUANTAS VEZES PORQUE ACHAVA QUE ERA SONHO, MAS NÃO ERA NÃO! AI MEU DEUS, COMO ASSIM TÁ ACONTECENDO ISSO NA MINHA VIDA OTAKA? OBRIGADA, DEUS! OBRIGADA, VIDA! Pra fechar a parte musical, ótima opening da rainha das anisong Nana Mizuki cantando Kindan no Resistence, apesar da sequência de imagens ser uma reciclagem da opening de Gundam SEED como podem ver a seguir. Esse Fukuda só causa… É pra você ajudar no script e não ficar reciclando storyboard de Gundam SEED, seu preguiçoso!

crossangeXgundamseed

Créditos para o twitter @aqua_books

Falando em storyboards reciclados de Gundam SEED em Cross Ange, teve isso também:

Gif_CrossAnge01-004 Gif_CrossAnge01-005

Sobre a trama apresentada no primeiro episódio, teve erros e acertos que todo anime pode cometer. Como já havia lido os oito primeiros capítulos que a Comic Walker estava liberando desde o começo de agosto, sabia de praticamente tudo que ocorreria neste primeiro episódio. Minha surpresa teria sido caso não tivesse acontecido um “copiar+colar” dos quadrinhos. Para quem tiver curiosidade, a Comic Walker está liberando a leitura em Japonês e em Inglês, é grátis e totalmente licenciado.

O episódio foi bom, mas poderia ser melhor. Foram passadas muitas informações e palavras-chave – DRAGON, Mana, Norma, Império de Misurugi, Arzenal – rapidamente fazendo o espectador ter pouco tempo para questioná-las. O diretor Yoshinaru quis inserir um ritmo frenético neste episódio de introdução a fim de conquistar rápido quem assiste, afinal, mídias de entretenimento hoje em dia devem ser assim, se algo não empolga ou não impacta desde o início, existe uma grande probabilidade das pessoas perderem desejo em acompanhar à obra. Mas, calma Yoshinaru, deixa a gente respirar! 😉 Nos primeiros minutos, nem conseguimos identificar quem são as personagens que estão falando com a protagonista Ange, fazendo o mangá ser melhor neste ponto ao mostrar suas faces enquanto se comunicavam já causando empatia ou não por algumas delas.

CrossAnge-Chapter01-002

Entretanto, a óbvia escolha em focar na protagonista foi bem sucedida de várias maneiras, pois conseguimos ver duas facetas de Angelise: a primeira vista, uma princesa gentil que se preocupa com os outros, e  logo depois, seu lado preconceituoso, autoritário e arrogante criando dúvida se gostamos dela ou não. Vemos que suas atitudes são consequências de uma educação dada pelos pais, que ditam leis que não se aplicam a família real reforçando puro egoísmo humano.CrossAnge01_041 Para agravar mais a situação da classe dominante, o príncipe Julio se aproveita da situação do Batismo para assumir o trono guiado pela inveja, avareza e luxúria, porque ao que parece, teremos incesto nessa animação também. Com isso, poderíamos concluir que o rondó de Cross Ange será estruturado baseado em salientar o lado ruim do ser humano explorando isso de maneiras diferentes, mas que sempre estarão interligados entre si a fim de exaltar o tema principal. Digo isso pelo título do animê – Cross Ange: Rondó de Anjos e Dragões – e pela própria definição de rondó:

Rondó é uma forma fixa de poesia, criada na França, e de composição musical seccionada, estruturada a partir de um tema principal e vários temas secundários (normalmente dois ou três), sempre intercalados pela repetição do tema principal.

CrossAnge01_031

CrossAnge01_032

CrossAnge01_046Claro que ainda é muito cedo para afirmar qualquer coisa, mas ao menos o primeiro episódio já entregou material para teorias serem construídas e também afirmar que qualquer personagem que tenha atitudes ruins será punido. Mas o que é algo ruim? Qual é o caminho certo? Qual o caminho errado? A mãe de Angelise deu adeus neste episódio por tentar enganar sua própria filha e toda sociedade, mas no fundo ela só queria proteger uma das pessoas que mais amava neste mundo, estaria ela errada? E Ange mereceu sofrer aquela tortura polêmica pelas mãos de Jill? Estaria a chefe de Arzenal fazendo justiça com as próprias mãos violentando àquela que despreza as “aberrações” chamadas Norma e nem os considera como humanos?CrossAnge01_053 Ange merece aquilo? Onde estão os direitos humanos? Se alguém te perguntar se você apoia a violência, é óbvio que sua resposta será não, mas será que poderia manter sua opinião caso você fosse tirado de sua mãe como foi aquele bebê neste episódio? Será que você manteria sua postura se você fosse mãe ou pai e tivesse seu filho tirado de suas mãos? Até onde vai nossa hipocrisia? Até onde vai nosso perdão? Até onde vai nossa bondade? Mais que uma cena polêmica e com fanservice, a intenção da animação foi te bombardear de questionamentos fazendo você terminar o episódio num mixed feelings louco. Fico com dó da Ange ou falo bem-feito? Ah Sunrise, como vocês adoram polemizar em seus animês, mesmo que sejam com cenas exageradas.

CrossAnge01_055

CrossAnge01_059

CrossAnge01_048

A prévia foi um belo exemplo que o estúdio adora criar polêmicas e brincar com as mesmas: “Horrível! Fizeram coisas terríveis com a princesa, este não é um anime bishoujo de mechas de robôs? ENTENDI A PARTE DO BISHOUJO, MAS CADÊ OS ROBÔS?” FOI EXATAMENTE O QUE PENSEI, VEY! EU QUERO VER ROBÔ E DRAGÃO E SÓ, PÔ (LOL)! Se toda prévia for zoeira assim e com a Nana dublando, vou me divertir muito.

CrossAnge01_058

Mano… DAFUQ ESSE HARÉM YURI DA ZOLA? E ela ainda tá pegando nos peitos da personagem da Yukarin! CHEGA DE BISHOUJO, EU QUERO MEUS MECHAS, SUNRISE!

Finalizando, diria que a estreia foi impactante, polêmica, e com súplicas para conquistar logo o espectador tendo apelo exagerado que conquistará uns e afastar outros, foi arriscado, mas isso é um início digno de Sunrise! Ame ou odeie! Entretanto, acredito que o animê nos proporcionará muito entretenimento e emoção, apesar de ser uma história que talvez não surpreenda tanto, talvez, pois não há como saber disto analisando apenas um episódio. Quero e preciso ver mais, afinal o que são os Normas? Por que são só mulheres? Sem dúvidas, este é o primeiro ponto que vou cobrar explicações e o outro é: O que você fará, Ange? Vai criar seu mundo “bonito” sem os Normas ou a convivência com eles fará você mudar suas convicções? Até onde vai sua teimosia?

Avaliação: ✓ ✓ ✓ ✓ ✓

Lembrando que Cross Ange: Tenshi no Ryuu to Rondo é exibido todos os domingos às 6:00 da manhã no Crunchyroll.

Texto escrito por uma certa garota científica @NanyShidou

Eu adorei esse painel, como tinha dito antes e AAAH EU TAMBÉM QUERO PILOTAR UM MECHA Ç_Ç

Eu adorei esse painel, como tinha dito antes e AAAH EU TAMBÉM QUERO PILOTAR UM MECHA Ç_Ç

NANA FALANDO ISSO FEZ EU SURTAR DHSKJHDSKJAHDASKD VOZ FIRME E LINDA DEMAIS!

NANA FALANDO ISSO FEZ EU SURTAR DHSKJHDSKJAHDASKD VOZ FIRME E LINDA DEMAIS!

CrossAnge01_021

ERA SÓ ISSO QUE EU QUERIA VER! SÓ! MAIS ANIMÊS COM MECHAS VS. DRAGÕES, PLEASE!

CrossAnge01_024

Quando ela ainda era Angelise Ikaruga Misurugi…

CrossAnge01_028

Sofri nessa cena

CrossAnge01_039

Aquela cara de “agora fodeu” lol

CrossAnge01_042

MEGUMÃO E NANA. MÃE E FILHA. #MORTA

CrossAnge01_043

*Colocando a mão na testa porque agora fodeu mesmo*

CrossAnge01_045

Sofri nessa cena [2]

CrossAnge01_051

Sofri nessa cena [3]

CrossAnge01_057

Eu assistindo a cena da… bom, vocês sabem qual foi a cena. Ç_Ç

RAILGUN-likefacebook

Anúncios

9 comentários sobre “Comentários Semanais – Cross Ange #01

  1. Saudações

    Hum…
    Vejo que tu buscou realmente mesclar tudo aquilo que desejavas falar sobre a estreia de Cross Ange, nobre Nayara. Soou bem, como de costume, mas o episódio teve pontos tão sensíveis para mim que demorarei até o famoso terceiro ciclo para tecer uma real opinião sobre a obra.

    Como de praxe, no que fosse falar do áudio tu surtaria de maneira vívida…
    Pois bem, a regra da casa se manteve e confesso que gostei muito do que li aqui. E concordo totalmente, pois acredito que a OST desta obra deverá ser uma das melhores ao final de 2014 (ao menos em minha premissa/teoria).

    Nayara, o que pensas da motivação do elenco? Refiro-me sobre as principais personagens. Até porque, algumas imagens deste seu post deixaram bem claro que alguns semblantes não estão nem um pouco interessados naquilo que se pode definir por certo ou errado…

    No mais, ótimo post.

    Até mais!

    PS: Go! Go! Go! Alchemist Nany!!!

    • Olá, Carlirio.

      Olha, eu não falei de tudo que queria neste post, mas como vi que estava ficando enorme decidi separar apenas as partes principais e mais importantes deixando para comentar mais a fundo nos posts dos próximos episódios, mas se todo episódio for cheio de twist como foi esse, eu tô ferrada lol

      E queria saber exatamente o que você não gostou, Cacá-dono. Foi do fanservice apelativo? A história doida? É sempre bom ver outra opinião, ainda mais porque eu gostei muito, então acho válido ter uma opinião contrária >D

      E se bem o conheço, você apreciaria muito as músicas da Shikata porque elas são canções extremamente calmas, melódicas, tocantes e emocionantes. O vocal dela não apareceu tanto porque a Nana que estava a frente, mas ela canta demais. ❤ E concordo contigo, Cross Ange já entrou para a lista de melhores OST de animês em 2014, sem dúvidas.

      Bom, por enquanto acredito que dê para comentar mais a fundo da Ange e do irmão dela, Julio, somente. Do nii-san, é provável que seja um vilão inescrupuloso fazendo o que for necessário para criar um mundo onde ele e a irmã dele Sylvia possam ser felizes, e pior… É muito provável que ele se aproveite da inocência da irmã para fazer o que quiser, e mais, se ficar claro o desejo sexual dele por ela, pode ser que tenha um estupro [2] vindo aí. É a Sunrise, não duvido nada! Se você assiste mecha da Sunrise, independente se a história é sem noção ou não, algo que você sempre deve esperar é polêmica e suffering, mas muito suffering LOL Mas no final, sinto que ele vai se ferrar, pois a oficial Riza que ajudou ele no golpe de estado não parece ter feito aquilo de graça, algo me diz que ela está tramando algo também…

      Quanto a Ange, a grande questão dela é como ela vai "destruir o mundo", pois essa foi a principal chamada de Cross Ange nos PVs: "Eu vou destruir o mundo e viver", mas que mundo ela vai destruir? Dos Normas que ela tanto odeia ou o reino que a desprezou? Ou ambos? Fica também a dúvida de até que ponto ela vai mudar suas convicções, se é que ela vai mudar, pois mostrou ser bastante teimosa e fiel ao que acredita. Será que o fato de ter sido torturada a fará mudar de atitude? Este trauma a fará evoluir? Ou será que só um amor poderá mudá-la? Falo de amor, porque na opening parece que ela se sentirá atraída pelo personagem Tusk, e é clássico de Sunrise um personagem mudar por causa de amor, evoluir por isso e no fim, a pessoa que fez uma personagem mudar morrer e aí o bicho pega porque a Ange deve buscar por vingança… ou não. Não sei até onde o diretor vai querer usar clichês e é por isso que também quero assistir, quero ver se ele vai repetir fórmulas de Gundam SEED ou vai criar algo novo. Em entrevistas, ele disse que contaria uma história diferente do cotidiano, algo que não ocorreu no primeiro episódio, então é ver pra crer.

      E agora entrando em ação a parte mais fangirl, poxa Cacá-dono, eu quero ver como ficará a interpretação dos seiyuus e a interação de algumas personagens entre si. Personagens da Nana costumam ser mais fofas que a Ange, então como que a deusa vai impor a personalidade desta princesinha mimada? E poxa, o Tusk vai ser dublado pelo Mamoru Miyano, logo, é mais uma temporada shippando personagens do Mamo-chan com a Nana! Como não estar com o kokoro dokidoki? HAHAHAHAHHA Por fim, como fã de Nanoha e shipper NanoFate, como será a relação da Hilda com a Ange? Pelo que li, a Hilda (personagem da Yukarin) não vai com a cara da Ange a princípio, ou seja, vamos ter um NanoFate invertido? Em Nanoha é a Yukarin que correr atrás da Nana, então aqui veremos a Nana correndo atrás da Yukarin pra serem amigas? Não faço ideia, mas só de pensar nessa possibilidade começo a dar risada, ainda mais que Nana e Yukarin são amigas, tenho certeza que as duas saem rindo do estúdio depois de gravarem umas cenas bizarras dessas XD

      Bom, acho que falei demais, mas foi tudo movido pela empolgação. No mais, pode me questionar, concordar e contrariar a vontade, tô aqui pra ouvir e compartilhar minhas opiniões otakas \o/

      Até mais, Cacá-dono!

      Go Go NETOIN!

      • Saudações

        Na verdade eu sei bem qual é o ponto que tu gostaria de ter comentado mais à fundo e, certamente, se aproxima o momento no qual tu terá de fazer palavras opinativas serem aqui presentes, nobre. Entretanto, tu foi além daquilo que pode ser dito como principal no episódio e deixou extravasar seu apreço pelo capítulo, sendo que isto soando positivamente ao seu texto (e bastante).

        O que eu não gostei muito foi do fanservice ultra-apelativo. Claro que eu deveria ter imaginado que assim seria, após ver o PV do anime (tu se recorda como foi a recepção no Twitter). Mas pode-se dizer que foi além do que eu imaginava ainda. O plot ser meio doido não me soa mal, pois para trazer dragões e naves modernas em uma mesma linha de espaço do tempo, tem de ser algo com regras e premissas próprias de universo e afins.

        Sou muito sincero nisto, nobre, e a OST deste anime já deu amostras de que será elogiável ao extremo, salvo engano da minha e da sua parte também. Porém, prefiro acreditar que este será um dos grandes trunfos do título em questão.

        A Sunrise é realmente famosa por colocar certos elementos em suas obras que, em muitas ocasiões causam divergências sérias de opinião. Realmente, pela cena que tu não comentou a fundo deste episódio (por razões que me são bem conhecidas) já é possível notar que a premissa do estúdio deverá se manter. O nii-san e sua irmã é só um exemplo, mas não me surpreenderei se mais à frente algo não chegar à ocorrer (neste sentido) com a própria Angel, também.

        E quanto à dita “destruição do mundo”, eu assimilei isso como uma frase simbólica unicamente, caracterizando o desejo da personagem por uma mudança total em seu ambiente. Me soa justo e desafiador ao mesmo tempo, todavia. Ela quer aniquilar aquilo que a desagrada, por suposto. Porém, minhas dúvidas são similares à sua, no intuito de saber até aonde chegarão as ações dela para que tal ensejo siga adiante.

        Ah, não te preocupes…
        Seu trabalho é deveras elogiável. Siga em frente com tal, nobre amiga.

        Até mais!

        Go! Go! Alchemist Nany!!!

        • Olá, Cacá-dono o/

          Costumo ser bastante cautelosa com minhas palavras, internet é complicado e todo texto corre o risco de ser mal interpretado e não é por maldade do leitor, assim como também do escritor, então é importante passar as informações com clareza. Não sou daquelas que gosta de chutar o balde e falar de temas polêmicos, mas Cross Ange vai exigir que eu saia da minha zona de conforto aparentemente, então é um desafio pessoal também, vamos ver se dá certo. XD

          Esse negócio de fanservice é complicado, eu nem busco ir muito a fundo porque geralmente não complementa nada, mas como é algo que vende dificilmente não há um estúdio que não apele hoje em dia para este recurso. Se é triste eu não sei e nem cabe a mim julgar, mas é um fato. E nem julgo também porque há muitos que me atraem, não sou hipócrita. E imaginei que fosse o fanservice que tivesse te incomodado >D

          Sua opinião a respeito em relação ao Julio e a Ange não serão descartados, procurarei levá-los em consideração e agradeço pela tréplica dada aqui hahahaahha

          Matta ne!

  2. Bom eu gostei desse anime e não precisa nem dizer q eu tive um ataque escutando a Nana cantando logo no começo, omg oq foi aquilo q voz ahhh (e essa OP… *-*)

    E naquela cena q a Ange diz “Aí vamos nós, Villkiss” eu ja estava imaginando ela dizendo “Aí vamos nós, Bardiche” hahahahaha como soou igual a Fate minha nossa rs xD

    E bom as polêmicas, q raiva da Ange pelo oq ela fez com a menininha argh!! Sobre a cena dela com a Jill hum eu passo essa, prefiro não comentar, mas sei lá… foi bem complicada…

    E a ed!!! com a Zola hahahahaha eu surtei O.o serio quando eu vi a Hilda sendo acariciada, foi surto na certa hahaha. Bom deixando os surtos de lado eu na vdd gostei desse anime, esse lado q mostra sobre o preconceito a inveja tão vdd e a animação esta muito boa, eu n sou muito familiarizada com animes mecha, mas esse me despertou muito interesse e com certeza eu irei acompanhar, n vejo a hora do próximo ep. Bom é isso hahahaha xD

    obs: hum tem como me dar uma ajudinha, pois eu vi esse ep pela Punch fansub e bem eu n sou muito fã deles, sera q vc poderia me dizer se tem outro fansub fazendo esse anime, desde ja agradeço.

    • Olá, Kyaaa! Tudo certo?

      Aaaaaaaaah bom saber que não fui só eu que surtei ouvindo a Nana, a insert song dela ficou muito suprema, simplesmente incrível HDJASHDJKASHDJKSAHDKSAHDKASHD

      HAHAHAHAHAHAH NOOOOOOOOOOSSA, na segunda vez que vi o episódio acabei pensando a mesma e lembrando da Fate falando “Iku yo, Bardiche” e a voz séria dela foi bem based Fate Testarossa, adorei \o/

      Também nem quis comentar muito da Jill por motivos de polêmicas, preferi comentar filosoficamente e com total foco na Ange, que deu dó, não teve como.

      Eu tomei um susto na cena do harém da Zola, mas isso mostrou a todos qual o público principal da animação e isso foi muito positivo. Se é um dos seus primeiros mecha, recomendo se preparar pra bastante sofrimento que terá pela frente, porque vai ter XD

      Em relação a fansubs BR fazendo subs de Cross Ange, eu infelizmente só achei o PA Fansub, gostaria de dar outras opções, mas só tenho essa no momento. Me perdoe. De qualquer forma, gosto muito do trabalho deste fansub, vale a pena dar uma conferida: http://pafansubr.wordpress.com/2014/10/07/cross-fist-ange-01/

      Até mais!

      • Imagina!! muito obrigada pela opção do fansub, foi de grande ajuda, obrigada mesmo xD
        Ahh nossa bastante sofrimento, agora q eu não perco mesmo esse anime hahaha

        E não tem como não surtar com a Nana ❤ VLW!! \O

        • olha eu assisti os dois episodios pelo punch fansub e depois pelo pa fansub.
          não to criticando a punch até porque nunca tinha ouvido falar do pa fansubs(parece que eles já tem 5 anos ou mais), mas o trabalho do pa fansubs me deixou de queixo caído, a legenda bem trabalhada e com karaoke desde o primeiro episodio rsrs

          • PA Fansub é um ótimo fansub, quando assistia animes com legenda em Português era um dos meus favoritos junto com o MDAN Fansub, Eternal Animes e AnimeNoSekai, além dos falecidos OMDA e Shakaw. ^^

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s