Primeiras Impressões – Black Bullet

BlackBullet01_009

“Se você não quer morrer, sobreviva!”

HISTÓRIA

BlackBullet_LOGO

Em um mundo repleto de trevas, nos deparamos com um garoto chamado Rentaro Satomi, que vive em Tokyo e é membro de uma organização especializada para derrotar o Gastrea, um vírus parasita que invadiu o planeta em 2021. Entretanto, você nunca trabalha sozinho nesta organização, e como Rentaro não é exceção, acaba tendo que conviver com sua parceira Enju Aihara, uma garotinha de 10 anos nada comum, pois é considerada uma das crianças amaldiçoadas que vivem neste mundo visto que possui sangue Gastrea e humano correndo por suas veias. Ironicamente, essas crianças são consideradas a última esperança da humanidade sobreviver e será que elas conseguirão impedir a extinção humana?

ANIMAÇÃO EM GERAL – SEUS OLHOS VÃO BRILHAR!

BlackBullet01_002

A primeira cena do anime já é uma obra prima a parte, como não elogiar aquele cenário apocalíptico e desesperador que um gigante monstro infectado de Gastrea traz às telinhas? Aliás, não somente os cenários em si são dignos de elogios, mas o próprio monstro também, porque é extremamente bem animado com ajuda de computação gráfica, caindo como uma luva naquele cenário. Os efeitos vistos durante todo o primeiro episódio foram competentes, desde os simples movimentos das personagens ou o tiro disparado pelo protagonista fazendo com que uma potente black bullet fosse em direção a uma aranha Gastrea. O character design é bem atraente também, e espero que seja consistente durante a trama, mas ao menos neste primeiro episódio não decepcionou. Poderia dizer facilmente que nesta temporada, Black Bullet sai na frente de muitas estreias que vi – Dragon Ball Kai (2014), Fairy Tail (2014), Haikyuu!!, Isshuukan Friends, Mahouka Koukou no Rettousei, Mangaka-san to Assistant-san to, Soredemo Sekai wa Utsukushii, Soul Eater Not!, Ryuugajou Nanana no Maizoukin – no quesito animação, não é acima da média no geral, mas para a temporada sim. Acredito que só fica atrás de No Game, No Life, por enquanto.

TRILHA SONORA – SÓ TEM GENTE SUPREMA AQUI!

A trilha sonora é o que mais acha atenção de quem assiste o primeiro episódio, pois é muito impactante desde os primeiros segundos. E a gente esperava o quê? Quem está responsável pelas BGM é Shiro Sagisu (Berserk, Bleach, Magi, EVANGELION), o japonês mais mítico quando se trata de música em animação, então é claro que será de longe a trilha sonora mais suprema da temporada. Não tenho nenhuma dúvida disso e podem me cobrar caso encontrem uma melhor.

A opening (vídeo acima) eu achei MUITO preguiçosa, por vezes parecia mais um slideshow do que uma animação, e isso fez com que perdesse total credibilidade, pois ela não consegue acompanhar o ritmo frenético da música de fripSide. Sobre a dupla, não há como não elogiar, Satoshi Yaginuma e Yoshino Nanjo trouxeram uma canção que traduz muito bem o que você encontrará na obra, pois a letra combina perfeitamente com a trama e o instrumental é inquestionavelmente bem feito com muita ópera, canto gregoriano e o trance pop característico de fripSide. Se você gostou dos trabalhos anteriores da dupla como, por exemplo, em To Aru Kagaku no Railgun, black bullet vai agradar também. A verdadeira ending ainda não apareceu, não teve animação da mesma, pois a música era acompanhada juntamente com diálogos do protagonista no fim do episódio, mas mesmo assim já é possível fazer uma certa análise. A música de Nagi Yanagi, Tokohana, mostrou-se bem agradável, apesar de que ainda a prefiro gravando músicas mais melódicas como a primeira ending de Nagi no AsakuraAqua Terrarium é linda demais.

A PREMISSA DE UMA LUTA DE SOBREVIVÊNCIA – GASTREA VS. HUMANOS

Quem leu sinopses por aí apenas visualizou aquilo que leu, o episódio de apresentação foi condizente na maneira como apresentou as personagens e seu mundo apocalíptico. Temas sócio-políticos, antropológicos e científicos em torno da série devem mostrar suas facetas pouco a pouco, e neste primeiro episódio tivemos uma pequena amostra disto visto que vimos o preconceito que existe com seres híbridos – metade Gastrea metade humano – que promete ter uma abordagem mais densa nas próximas semanas. BlackBullet01_016O lado sci-fi deu as caras explicitamente com a cientista Sumire que foi bem ao apresentar termos biológicos como transcrição de DNA, mutação genética e as principais características de qualquer vírus. O material Varanium utilizado nas black bullets de Rentarou foi outro destaque e como sou curiosa, bastou aparecer este nome durante o episódio que já estava abrindo uma aba no meu navegador a fim de saber mais sobre o material fictício, e pelo que li é um metal que emite um campo magnético que mata o vírus Gastrea. Considerando que campos magnéticos tem cargas elétricas em movimento e elas podem alterar inúmeras reações bioquímicas torna um embasamento interessante, vamos ver se nos surpreende mais para frente.

BlackBullet01_008

Talvez o que não tenha agradado a muitos é que se você for parar pra pensar, lolis são a última esperança da humanidade! Mas qual o problema em crianças serem a última esperança? Não é isso que todo mundo fala? Que as crianças são nossa esperança? Acho que se ver por este ponto é válido, mas é claro que há toda a sexualidade em volta da personagem até porque ela mesma provoca isso, mas não acho que seja um motivo para condenar Black Bullet, pelo menos não agora. Sobre as personagens, o protagonista Rentarou é um revoltado com a vida que busca vingança contra os Gastrea, pode ser comparado ao Eren de Shingeki no Kyojin, e será. Talvez seja este o motivo do qual o seiyuu Yuki Kaji tenha sido escalado para a dublagem de Rentarou, visto que ele dubla o Eren. BlackBullet01_015De Kaga Koko (do anime Golden Time) para Kisara Tendou, esta foi a mudança que Yui Horie fez de uma temporada a outra e em Black Bullet a seiyuu agradou, pois trouxe alívio cômico e também tensão no episódio através de sua personagem. Dá pra ver que há uma conexão singela entre ela e nosso protagonista e essa conexão se chama amor, mas algo me diz que a família da mesma deve pegar no pé para que isso não vá a frente e até a própria Kisara. Me parece que ela é do tipo de garota que diria “eu não tenho o direito de ficar ao seu lado porque quem te faz feliz, quem te faz esquecer das dores do passado não sou eu, e sim a Enju.” Posso estar BEM enganada porque né, é só uma primeira impressão e podem ter flashbacks que surpreendam ou até a própria sequência da trama, mas eu senti algo do gênero, apesar de que é meio difícil ver uma garotinha de 10 anos como sua rival, mas ok, tudo pode acontecer em uma animação, ainda mais quando ela é japonesa e japoneses são estranhos (lol).

BlackBullet01_012

Falando na Enju, com certeza foi a personagem que teve maior destaque. Ela só tem 10 anos, mas tem bastante maturidade comparada a garotas da sua idade, seus pensamentos levianos pelo Rentarou foram engraçadíssimos e a fofura rolou solta, mas sem dúvidas a cena que mais chamou atenção foi sua frieza ao ver um humano se transformando em Gastrea: “Eu não posso te ajudar, você gostaria de me dizer suas últimas palavras?” CARACA! ISSO É COISA PRA SE FALAR PRA QUEM TÁ MORRENDO? TENTA CONFORTAR O CARA FALANDO ALGO BONITO SÓ QUE NÃO. O peso que ela carrega nas costas de ser a última esperança da humanidade, o peso do preconceito que pode sentir ao redor e seu peso nesta guerra sangrenta são outros fatores que me fazem querer acompanhar suas aparições daqui pra frente. BlackBullet01_004Bom, como fã de To Aru Majutsu no Index não poderia deixar de citar que a seiyuu dela é a mesma da Last Order e que isso já causou empatia. Por fim, DAT CARA MASCARADO! Por enquanto não há como saber se ele é um vilão ou anti-herói – ficaria com a segunda opção porque ele quer também destruir o Gastrea – mas promete ser o personagem mais badass da obra e torço para que suas aparições sejam impactantes e com uma atuação perfeita do seiyuu Rikiya Koyama, o eterno EMIYA KIRITSUGU de Fate/Zero e Fate/Stay Night.

É muito cedo pra falar, mas minhas primeiras impressões foram as melhores possíveis por mostrar uma introdução concreta e dinâmica. Certa vez um amigo meu me disse que não podemos julgar um anime antes de ver seus cinco primeiros episódios, acredito nele, mas há variações, para Black Bullet chutaria que até o episódio 3 já veremos fatos suficientes para que você decida se continua ou não assistindo a animação. Enfim, fica minha recomendação para você que gosta de lolis, sci-fi e um mundo apocalíptico com uma boa animação e trilha sonora. Se não gosta muito disso, procure outros títulos, afinal a temporada está cheia de animês bons dos mais variados gêneros. Se ainda está em dúvida do que assistir, recomendo muito o guia da temporada do parceiro Intoxicação Animentar e as primeiras impressões de vários animes do mesmo blog, além também do irmãozão NETOIN, que tem sua impressão sobre Black Bullet AQUI. E para você que tem conhecimento do idioma Inglês, fica minha recomendação deste blog gringo, eu simplesmente o amo e você vai rir bastante no post deles de Black Bullet, chorei aqui. Pois é, nada de ficar só no ANN não, champs.😉

AQUI no blog também tem minhas primeiras impressões de vários outros animês. Enjoy e vem pro surto agora!

SURTOS E MAIS SURTOS – POR QUE EU GOSTEI TANTO DESTE PRIMEIRO EPISÓDIO?

BlackBullet01_020

Agora aqui começa a zueira, caso queira continuar com a seriedade apresentada anteriormente, vá para os últimos parágrafos deste post, caso não, você é muito bem-vindo para ver meus surtos retardados vendo um animê! Some o texto abaixo com uma pessoa pulando na cadeira e essa sou eu (LOL).

Começo a assistir Black Bullet no Crunchyroll quando…

[01:02] NOOOOOOOOOSSA DAFUQ ESSE MONSTRENGO GIGANTE NO COMEÇO? OOOOOOOOOOOOOOOOH ESSAS EXPLOSÕES, QUE SUSTO! MEU DEUS!

[03:16] MALUCOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO! A animação da opening não foi uma maravilha, foi bem parada por sinal, mas THAT SONG! OH MY FUCKING GOD! Yoshino Nanjo mita muito como vocalista de fripSide e seu companheiro Satoshi é ótimo no instrumental e ELES PRECISAVAM TRAZER UM CLIMA DE SHINGEKI NO KYOJIN PRA CÁ NÉ? HAHAHAHA SIMPLESMENTE É FANTÁSTICO O INÍCIO DA MÚSICA! FRIPSIDE NO KYOJIN DEMAIS! DEMAIS! E bom, eu sou fangirl, até o fim do mês decoro a TV Size, prometo!

[06:13] VÉÉÉÉY, O CARA VIROU O PESCOÇO E AÍ DEPOIS DESTRAVA TUDO, QUE BRUXARIA É ESSA? QUE ISSO, JOVEM? HAHHAHAHAHAHA CHOREI!

[07:17] ENJUUUUUUUUUUUUUUUUU, SOCORRO! QUE FOFA! É REALMENTE A LAST ORDER, SÓ QUE MUITO MAIS SUPREMA! AAAAAAAAAAAAAH❤

[09:21] TOMA ESSE CHUTE DE LOLI NA SUA FUÇA, QUERIDÃO! QUE MÍTICA ESSA ENJU! DIVANDO E SAMBANDO NA ARANHINHA!

[10:09] Cômica, divertida, carismática e amável, essa é a Enju e que fofa ela preocupada com o Rentarou! TÔ SHIPPANDO, CADÊ UM TIME-SKIP PRA NÃO PARECER PEDOFILIA? HAHAHAHA Tô de zoa hein, gente? Por favor!

[11:15] Hoochaaaaaaaaaaan em Black Bullet também? Apenas amando este elenco de dublagem. Só gente talentosa.

BlackBullet01_017

[15:04] ADOOOOOOOOOORO ESSES BÉQUERES COM COISAS ESTRANHAS EM LABORATÓRIOS DE CIENTISTAS LOOOOUCOS LOOOOOOL Mas como assim essa mulher é necrófila? Que medo, não quero ficar assim não depois que terminar a faculdade. SOCORROOOOOOOO!

[18:24] ENJU FOFAAAAAAAAAAAA E A GORDICE NÃO TEM LIMITES HAHAHAHHAHAA MOYASHI MOYASHI MOYASHI!

[19:29] QUE ISSO ELA ATACANDO O RENTAROU NA CALADA DA NOITE? NÃO ERA PRA SER O CONTRÁRIO? APENAS SURTANDO!

~Fim dos surtos ~

Gostei muito, muito, mas muito mesmo. Não aconteceu nada a mais do que eu esperava, nem a menos, foi um primeiro episódio na medida certa que me entreteu bastante. Estou louca pra ver como a humanidade vai sobreviver a isso tudo, e qual a motivação para cada um lutar. É com um enorme pesar que falo que não vou comentar este anime semanalmente porque a faculdade não vai deixar, mas os surtos continuarão sempre presentes no meu twitter e tumblr. Nos vemos lá qualquer coisa😉 E se você assistiu o primeiro episódio e não gostou, veja ao menos o segundo, pois ali mostra um pouco mais da essência da obra.

Lembrando que Black Bullet é exibido no Crunchyroll todas as terças-feiras às 13h30, horário de Brasília.

Espero que tenha curtido o texto! Bye bye~

Atualizações no post:
11/04/2014 – Estreias vistas na parte “Animação em Geral”.
16/04/2014 – Dica sobre o segundo episódio.
30/04/2014 – Adição de link do Post de Primeiras Impressões de Outros Animês da Spring 2014. 

BlackBullet01_001

BlackBullet01_003

BlackBullet01_005

BlackBullet01_007

BlackBullet01_010

BlackBullet01_011

BlackBullet01_014

BlackBullet01_019

BlackBullet01_022

BlackBullet01_023

RAILGUN-likefacebook

4 comentários sobre “Primeiras Impressões – Black Bullet

  1. Saudações

    E não é que a amiga Nayara gostou muito do anime?^^

    Pelo que tenho notado, Black Bullet dividiu muitas opiniões pela internet afora. Não é o “ame ou odeie” da temporada, mas tem servido de pilar para pontos de vista bem diferentes e interessantes.

    Eu gostei muito da arte deste anime. Os cenários dele são realmente muito nítidos, belos e bem feitos. Os desenhos dos personagens me agradam em demasia. O plot, em si, chegou à esbarrar em alguns conceitos. Contudo, não foi nada muito grave, ao ponto de ferir severamente a experiência em se assistir à esta obra.

    Eu acredito que podemos esperar algo bom desta série. Só torço para não estar equivocado sobre isto…XD

    E como tu bem ressaltou, Nayara, o plot e demais características são muito bons. Vale a pena sim acompanhar um pouco mais deste anime…^^

    Excelente trabalho o seu feito aqui, com este texto bem instrutivo e objetivo, nobre!🙂

    Até mais!

    • Olá, Carlirio.

      Puxa, gostei bastante mesmo, mas vamos ver se minha expectativa aumenta ou diminui com o episódio 2 que irá ao ar logo mais no Crunchy😄

      Concordo com você sobre o anime dividir opiniões, e admito que este foi um dos motivos para escrever este post deixando as pessoas interessadas no anime mais confusas, pois vi críticas negativas e neutras, então decidi escrever algo positivo para termos um equilíbrio na blogosfera. ^^

      Os pontos técnicos foram positivos e o plot tem que ser analisado com calma, sinceramente não gosto muito de opinar a respeito de um anime tendo como base só o primeiro episódio, gosto de esperar um pouco mais, mas como você disse, acho que podemos esperar algo bom e espero muito que você não esteja equivocado a respeito senão eu choro LOL

      Obrigada pelo comentário e elogios, Carlirio! Seu apoio é sempre importante e repetirei isso por diversas vezes hahahahaha😉

  2. Amei o primeiro episódio também *-*
    Só uma coisa, não recomendo nem um pouquinho ver pelo menos este anime pelo crunchy (BR, o em inglês tá muito bom, como sempre), a tradução ficou bem porca e adaptaram um bocado de coisas erradas, pra variar.
    Tilha sonora ficou perfeita mesmo *—-*
    Acho que a única coisa que não gostei nisso até agora foi aquela fala do “Se não quiser morrer, sobreviva.” e o o dublador do Rentaro, que já enjooei hahahahah
    Muito obrigada por compartilhar suas impressões, ficou bem completo!

    • Olá, Líria. Tudo bom?

      Fico feliz que tem bastante gente que gostou de Black Bullet, era uma de minhas apostas da temporada, e virou meu amorzinho ao lado de Haikyuu!!😄

      Sobre animês no Crunchy, eu costumo assisti-los em Inglês para sempre estar em dia com este idioma, mas de qualquer forma, obrigada pela opinião! Não é a primeira vez que ouço que a legenda PT-BR deles é ruim, mas não posso concordar e nem discordar porque realmente nunca tive contato com a mesma.

      ESSA TRILHA SONORA! MEU DEUS! JSKLAJSLAHDSAHDSLDHSAKDJSADKLSA MUITOS SURTOS! ^-^

      Sempre tem alguma coisa que não gostamos né? Não dá pra tudo ser perfeito infelizmente, mas espero que os próximos episódios sejam mais agradáveis e com poucos momentos ruins pontuais😄

      Agradeço de coração seu comentário e elogios. Muito obrigada e volte sempre🙂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s