Os singles de anisong mais vendidos de 2013

TopSingles2013_

Antes tarde do que nunca…

Oi pessoal! Estive ausente por um tempo visto que estou um tanto quanto atribulada, mas não vou desistir do blog não! Uma review deve vir aí nos próximos dias, então fiquem ligados, mas por enquanto vamos falar de música! E se você quiser conferir os singles de anisong mais vendidos de 2012 para devidas comparações, fiquem a vontade clicando AQUI.

IMPORTANTE: Esta lista da Oricon que verão a seguir contabilizou as vendas de 10 de dezembro de 2012 a 8 de dezembro de 2013.

10. ClariS – Colorful
Data de lançamento: 30/10/2013
Número estimado de discos vendidos: 67.023
Animê: Puella Magi Madoka Magica The Movie 3 – Hangyaku no Monogatari

TopSingles2013_10claris-colorful

ClariS e Madokinha é um casamento que dá certo desde 2011, quando o animê foi exibido no Japão pela primeira vez, portanto não há surpresas em ver este single de anisong como um dos mais vendidos do ano. Muitos podem estranhar ter conseguido ficar somente na décima posição, mas é válido dizer que o single foi lançado no fim de outubro, e conseguir vender mais de 60 mil cópias em praticamente 2 meses é algo para se comemorar. ClariS vem adquirindo bastante espaço na mídia nos últimos tempos e até chegou a mostrar a silhuetas das garotas em show ao vivo, apesar de ainda não sabermos a verdadeira face das meninas. Porém, é fato que estão estabelecendo uma carreira que ainda vai dar muito o que falar, logo não é preciso ter pressa. Sobre Madoka, o que dizer? É uma das novas franquias de sucesso no Japão, mas que pode balançar um pouco depois deste terceiro filme, pois ele dividirá opiniões e não vai agradar a todos os fãs depois daquele final totalmente inesperado, nada esperançoso ou bondoso como foi a série de TV. BD chega em abril, então preparem o coração!

9. YUZU – REASON
Data de lançamento: 09/01/2013
Número estimado de discos vendidos: 68.754
Animê: Hunter x Hunter (2011) / Hunter x Hunter: Phantom Rouge

yz_tsujo_H1-4_FIX

VÉY, OLHA A CAPA DESTE SINGLE! Sem dúvidas, um dos mais bonitos do ano de 2013! Yuzu iniciou-se em 1997 e é uma dupla formada por Yujin Kitagawa e Kouji Iwasawa que carrega um maravilhoso folk pop rock como seu estilo criando músicas magníficas com belos arranjos e letras que conseguem tocar nobres corações, pois sempre estão repletas de questionamentos visando sempre um amanhã melhor e de muita esperança. Neste ano, a dupla teve grande ligação com a adaptação da MadHouse Hunter x Hunter, cantando todas as endings da animação em 2013, e REASON foi a primeira delas, portanto acho digno estar aqui entre os mais vendidos, apesar de dizer que vendeu bem pouco visto que foi lançado em janeiro. Sobre este remake de Hunter x Hunter, admito que desde o começo apreciei a animação deste belo shounen, não somente os efeitos estavam extremamente superiores àquela animação de 1999, mas também gostei da proposta dinâmica da narrativa guiando os acontecimentos. O arco atual Chimera Ants mereceu um cuidado especial e até por isso a história se caminha em ritmo lento, mas isso não significa ruim visto que não perdemos nenhum detalhe da obra. Para encerrar, acompanhem a Weekly Super Shounen  do nosso parceiro e minha segunda casa Hajimari no Sora com opiniões a respeito do animê pelo chefinho Vini.

8. ST☆RISH – Maji Love 2000%
Data de lançamento: 24/04/2013
Número estimado de discos vendidos: 77.330
Animê: Uta no Prince-sama Maji Love 2000%

TopSingles2013_08starish-majilove2000

Um animê que tem como foco a música em seu enredo e Mamoru Miyano em seu elenco de dubladores não poderia faltar aqui nesta lista, não é? Esta segunda temporada de UtaPri vendeu tão bem quanto a primeira sendo considerado um dos sucessos da temporada de Abril do ano passado e só não teve mais destaque porque tinham uns titãs que eram mais comentados do que qualquer outra coisa neste período do ano. Não assisti nenhuma das duas temporadas, mas tenho bastante curiosidade devido ao fato de apreciar bastante animações que possuem forte relação com música e já está na minha lista “Plan To Watch” do MAL. Ao ouvir este single simplesmente me encantei com as músicas protagonizadas pelos seiyuus dos principais personagens da série. Por ora o single vou recomendar, já o animê vou esperar vocês dizerem se é bom ou não para ver se começo a assistir rapidamente ou se deixou para as férias lol

7. Nana Mizuki – Vitalization
Data de lançamento: 31/07/2013
Número estimado de discos vendidos: 81.793
Animê: Senki Zesshou Symphogear G / Space Battleship Yamato 2199

TopSingles2013_07nanamizuki-vitalization

ICHI, NI, SAN, SHI, GO, ROKU, NANAAAAA! ♥ Olha quem está nesta lista! Surpresa, cadê? Se você viu os singles de anisong mais vendidos dos últimos anos, sabe muito bem que normalmente todos os singles lançados por Nana Mizuki encontram-se na lista e este ano não poderia ter sido diferente para a alegria e surto geral da galera. É A RAINHA DAS ANISONG, GENTE! O que me chamou a atenção é que ano passado, o single Synchrogazer conseguiu a sétima posição também, só que teve duas mil cópias vendidas a menos que Vitalization, e qual a semelhança de ambos? Eles carregam a opening da franquia Symphogear – que teve terceira temporada anunciada provando aqui o quanto o fandom cresceu em apenas um ano, meu Deus! Pensem comigo: Vitalization foi lançado em julho de 2013, Synchrogazer em janeiro de 2012, e o primeiro teve mais cópias vendidas que o segundo! Como assim? Apesar de que é válido observar que o single Vitalization carrega uma das endings do animê Uchuu Senkan Yamato 2199 titulada Ai no Hoshi e por isso também pode ter tido vendas maiores em tão pouco tempo. Entretanto, pode ter fandom de qualquer animê que for, singles de Nana Mizuki venderiam de qualquer jeito porque ela conquistou um espaço enorme neste universo nos últimos anos depois de muita luta e dor, e isso ninguém vai tirar dela. A rainha das anisongs triunfa por mais um ano e 2014 promete ser ainda melhor! Sobre os animês relacionados, aqui no blog você pode conferir a review da primeira temporada de Symphogear, assim como a segunda, Symphogear G. Yamato não precisa de grandes apresentações, pois todos sabemos que esta obra faz sucesso há muito tempo dentro da indústria de animês e comentarei mais a respeito ao falar da sexta posição deste ranking porque…

6. UVERworld – Fight For Liberty / Wizard Club
Data de lançamento: 14/08/2013
Número estimado de discos vendidos: 90.515
Animê: Space Battleship Yamato 2199

SRCL7812_3_bk_h01_h04_fix

…UVERworld marcou presença aqui por sua competência nata, mas também por ser a banda responsável em cantar a opening do “novo” remake de Uchuu Senkan Yamato 2199. Apesar de não ter visto este remake, ainda assim sei que é uma obra fantástica apenas pelo fato de ter um amplo conceito de sci-fi no enredo e ter como base o animê de 1974 que conquistou o mundo com sua bela história. É realmente um dos grandes reis da animação japonesa que a galera do sol nascente tem um enorme carinho e por isso não me assusta ver este single neste ranking. Não só o fator animê ajuda, mas também a própria banda em si! Com suas músicas recheadas de sub-gêneros alternativos do rock, UVERworld mantém sua carreira estável praticamente desde seu início nos anos 2000 e dificilmente não alcançam as primeiras posições na Oricon quando há lançamentos dos mesmos. Apenas sucesso.

5. Perfume – Mirai no Museum
Data de lançamento: 27/02/2013
Número estimado de discos vendidos: 92.256
Animê: Doraemon: Nobita no Himitsu Dougu Museum

TopSingles2013_05perfume-mirainomuseum

Olha as Perfas na quinta posição! Este trio é sensacional e desde 2007 – que foi quando lançaram seu single Polyrhythm que é um dos temas do filme Pixar Carros 2  não sai das paradas de sucesso japonesas. Suas músicas produzidas pelo mítico Yasutaka Nakata – que formou o grupo capsule – com o melhor estilo eletrônico conquista fãs a cada dia e se alguém disser que elas já dominaram o Japão com suas vozes e performances divinas, não duvide, concorde sem pensar duas vezes. Sabem por quê? Porque elas estão prestes a dominar o mundo, afinal já fizeram inúmeras performances pela Europa e uma delas foi transmitida no cinema Shopping Jardim Sul aqui em SP, o live Perfume World Tour 2nd, que foi gravado em Londres. É um grupo que me agrada bastante, e se pudesse fazer uma recomendação diria para ouvirem o último álbum titulado LEVEL 3 e escutarem principalmente as faixas 2 e 13😉 Entretanto, Mirai no Museum vendeu bem também porque era tema de mais um filme do fofo Doraemon, o misterioso gato que não tem orelha (LOL)! Como sabemos, Doraemon é um dos pilares da animação japonesa e um dos mais antigos que são exibidos no Japão, e mesmo que não agrade tanto o ocidente, não é agora que este animê vai parar de fazer sucesso, se é que um dia ele não terá público. Difícil, difícil…

4. Nana Mizuki x T.M. Revolution – Kakumei Dualism
Data de lançamento: 23/10/2013
Número estimado de discos vendidos: 113.170
Animê: Kakumeiki Valvrave 2

TopSingles2013_04nanamizukixt.m.revolution-kakumeidualism

POSSO SURTAR? POSSO SURTAR? POSSO, VEM COMIGO! KAKUMEI WOOOOOOOOOOOOOOOOOO LEEEEEEEEEEEEEEEEEEET’S SHOOOOOOOOOOOOOOOUUUUUUUUUT! VÉY, O MELHOR SINGLE DO ANO NA QUARTA POSIÇÃO SENDO QUE ELE FOI LANÇADO EM OUTUBRO! OUTUBRO! TALVEZ FICASSE MAIS A FRENTE SE TIVESSE SEU LANÇAMENTO ANTES, MAS QUE SE DANE! ESSA COLABORAÇÃO ENTRE NANA E TAKA É SUPREMA DEMAIS, MUITO MERECIDA ESSA COLOCAÇÃO, OS MAIS LINDOS DO JAPÃO EM 2013! E AQUELE PV MÍTICO? E AQUELA APRESENTAÇÃO NO KOUHAKU? AAAAAAAAAAAH❤ Bom, depois deste meu autismo, vamos falar sério: T.M.Revolution é o nome artístico do cantor Takanori Nishikawa, que significa “Takanori Makes Revolution” (貴教が革命を起こす, Takanori ga kakumei o okosu). Taka – como é conhecido pelos fãs – começou sua carreira solo em 1996, ano em que alcançou sucesso devido ao lançamento do single Heart Of Sword, um dos temas de encerramento do consagrado Rurouni Kenshin e talvez o de maior sucesso da carreira do cantor, apesar que não podemos ignorar suas ótimas participações em animês como Gundam SEED, Sengoku Basara e Soul Eater. Nana Mizuki, vocês conhecem, mas vou falar tudo de novo, é tida como a rainha das anisongs atualmente haja vista que inúmeras músicas de sua carreira aparecem em diversas animações japonesas além de seus singles sempre venderem muito bem ficando sempre bem colocados no ranking da Oricon. Lembrando que desde 2005 seus singles não têm uma posição abaixo da sexta colocação. Tinha como essa colaboração dar errado? Claro que não e a prova está nos meus amados números. Kakumei Dualism fechou esta colaboração ao seu melhor estilo com uma música vibrante produzida pelo HIBIKI, compositor de inúmeras músicas da Nana e que aclamava por revolução assim como o animê Kakumeiki Valvrave, aposta de 2013 da Sunrise que é um entretenimento bom, mas deixou tantas pontas soltas no fim que não sei se recomendaria. Pra quem gosta de mechas, seres místicos, brigas políticas, revoltas estudantis e bastante ação e lutas no espaço pode ser uma boa🙂

3. Sekai no Owari – RPG
Data de lançamento: 01/05/2013
Número estimado de discos vendidos: 124.729
Animês: Crayon Shin-chan: Bakauma B-Kyu Gourmet Survival

TopSingles2013_03sekainoowari-rpg

Digna posição do grupo Sekai no Owari  juntamente com outro pilar da animação japonesa: Shin-chan. Sobre o animê, nem precisa de maiores explicações sobre seu sucesso, não é? O menino Shinnosuke é mais velho que eu! Está nas telinhas japoneses desde abril de 1992 – sei que vocês não se importam, mas sou de junho de 1992 lol – com suas rebeldias loucas e muito engraçadas. Não tem como crianças e adultos não se divertirem com seu comportamento totalmente diferente daquele que estamos acostumados ao olhar para o Japão, considerando que lá as pessoas são respeitosas, educadas e quietas. Shin-chan é totalmente o oposto, sendo a voz de muitas pessoas para um mundo menos severo, apesar que isso na terra do sol nascente é apenas um mero sonho efêmero. Falando de música, Sekai no Owari é um grupo formado em 2007 que tem como principal característica o gênero indie pop, que conseguiu impactar a japonesada em 2010, quando começaram a fazer um tremendo sucesso. No ano seguinte, fizeram um épico show no Nippon Budokan e muitas participações em TV. Recentemente, lançaram seu quinto single e conseguiram ficar em primeiro no ranking semanal da Oricon pela primeira vez. O sucesso não pode parar! Que venha o fim do mundo!

2. T.M. Revolution x Nana Mizuki – Preserved Roses
Data de lançamento: 15/05/2013
Número estimado de discos vendidos: 175.828
Animê: Kakumeiki Valvrave

TopSingles2013_02t.m.revolutionxnanamizuki-preservedroses

MAIS SURTOS! MAIS SURTOS! TOJIKOMETE INOCHI NO KODOKU WO KIMI NI SASAGERU PRESERVED ROOOOOOOOOOOOOOOOOSES! Sei que já falei bastante deles já na quarta posição, mas continuemos porque meu choro é de muita alegria ao ver este single nesta posição! Mesmo que tenha sido o segundo single de anisong mais vendido de 2013, também foi o 35 no ranking geral e considero isso um sucesso gigantesco. Para o Taka foi perfeito, porque estava sumido da mídia e a colaboração com a Nana reascendeu sua carreira como uma fênix que nasce das cinzas. Para a Nana, foi bom, mas como ela é um sucesso sem limites não acho que a colaboração teria mudado seus números ótimos de vendas. Entretanto, para ela esta colaboração foi muito gratificante deixando sempre isso claro em entrevistas e programas de TV. Foi um ponto muito marcante em sua carreira lançar dois singles com um dos cantores que mais admirava! Eu, como fã dos dois, nunca vou esquecer o programa Ongaku Generation que foi ao ar no Japão no dia 25 de outubro de 2013, onde ambos CANTARAM JUNTOS HEART OF SWORD. CÊ É LOUCO, TIO?! No fim da apresentação a Nana comentou que sempre cantava aquela música em karaokês com suas amigas depois da escola e cantar ao lado do Taka foi sensacional, tudo bem que ela o chamou de velho na cara dura, mas o que importa é que a interação dos dois foi perfeita. ♥ Foi a colaboração mais épica de 2013, simples assim.

1. Linked Horizon – Jiyuu e no Shingeki (Guren no Yumiya/Jiyuu no Tsubasa/Moshimo Kono Kabe no Naka ga Ikken no Ie datoshitara)
Data de lançamento: 10/07/2013
Número estimado de discos vendidos: 230.810
Animê: Shingeki no Kyojin

TopSingles2013_01linkedhorizon-jiyuuenoshingeki

HAHAHAHA! Alguém duvidava desta primeira posição? Não né? Shingeki no Kyojin foi hit de vendas em 2013 e tudo que era relacionado a ele vendia como água, logo este single estar por aqui não é surpresa nenhuma. O animê conseguiu fazer com que velhos admirados de animês voltassem a assistir animações japonesas, foi um dos mais polêmicos animês de 2013, o mais comentado, o mais marcante e frenético do ano!  Como não surtar assistindo? Você não pode se apegar a nenhum personagem enquanto assiste, pois eles “pouco importam”, são diversos sacrifícios para manter uma narrativa apocalíptica e concreta surpreendo quem assistia SEMPRE! Já virou um animê cult!😉 A respeito de Linked Horizon, tem potencial, mas não sei até onde pode ir visto que é um projeto recente do vocalista Revo. Até agora só possuem dois singles lançados contando com Jiyuu e no Shingeki, então é muito cedo pra falar algo a respeito, mas com certeza já conquistaram inúmeros seguidores que o acompanharão nos próximos anos.

Espero que tenham gostado de mais um post relacionado à música japonesa no blog, galerê! Agradeço a quem leu até aqui e até a próxima, caro leitor ^-^

SIE SIND DAS ESSEN UND WIR SIND DIE JAGER!

RAILGUN-likefacebook

2 comentários sobre “Os singles de anisong mais vendidos de 2013

  1. Saudações

    Eu não tenho coragem de contestar esta lista por uma razão bem importante, estando a mesma ligada sobre aquilo que os consumidores nipônicos realmente compram e gostam tanto. A prova disto está na presença de álbuns que representam alguns animes os quais, sinceramente, não teriam nem tanta relevância no mundo ocidental.

    Se limitar à falar dos álbuns em si já seria esperado, em qualquer blog ou site. Entretanto, a amiga Nayara fez questão de “apimentar” um pouco as coisas onde, ao invés de comentar apenas do álbum, resolveu falar do anime nele representado também. E ao seu melhor estilo possível, pois os surtos foram livres. É uma marca registrada deste blog que se mantém e que jamais deve ser deixada de lado. Muito bom mesmo, nobre.

    Era inevitável que Shingeki no Kyojin ficasse no primeiro lugar com Linked Horizon fazendo valer todo o ápice promovido por certa abertura (não precisa ser citada). Mas, particularmente, a obra para mim não foi tudo isso (digna de um top’10 geral do ano sim, mas não de ser chamada de cult e de ter sio o “marco disso e daquilo” no ano). Chorei no primeiro episódio, vibrei em vários momentos, mas de igual forma questionei muitos outros acontecimentos. Mas a questão aqui é musical e, no caso, a OST de Shingeki no Kyojin soube ser expressiva ( minha música preferida é “Vogel im Kafig”).

    Ver obras como Crayon Shin-chan e Doraemon sendo representadas na lista final é algo que faria muitas pessoas se contorcionarem para entender. Não faço por maldade o comentário, mas sim pelo fato de que (ao menos à nível ocidente) tais obras não são tão divulgadas (embora Doraemon já tenha sido transmitido na televisão e por aí se segue). Citações dignas.

    Não consegui gostar de de Valvrave (desculpe por isso, nobre Nayara) mas fui atrás das músicas aqui citadas e, devo admitir, sendo realmente ótimas. Hunter X Hunter é outro anime/mangá que nunca foi de meu apreço pessoal, mas sempre gostei da OST de tal obra. A citação aqui neste post diz muito do apreço dos japoneses por tal anime. Por sua vez, Madoka me deixou com uma singela opinião sobre o filme, a qual me dá quase certeza de que baterá de frente com a de uma provável minoria (apenas um “achismo” de minha parte, mas ok).

    Muito proveitoso o seu post e seu trabalho merece ser muito elogiado.
    Parabéns, nobre Nayara.^^

    Até mais!

    • Olá, Carlírio! Desde já agradeço o comentário e concordo contigo logo na primeira parte dele, porque acho que se fosse levar o ocidente em consideração, a maioria destes singles não estariam na lista. Arrisco dizer talvez só 3 ou 4 permaneceriam e talvez em posições diferentes das exibidas no ranking acima. ^^

      Hehe, eu achei legal comentar tanto sobre animê como dos grupos e cantores em questão porque considero que ambos os fandom são determinantes. Podem muito bem ter pessoas que não acompanham assiduamente a carreira do grupo/cantor, mas compraram o single porque gostaram muito das músicas quando viram a animação. A dupla ClariS, por exemplo, tem um início de carreira bem estável com a maioria de seus singles vendendo bem, mas você consegue perceber certa diferente nas vendas quando tem relação com a franquia de Madoka. “Colorful” ranqueou em terceiro na primeira semana da Oricon, enquanto o último single delas, a opening de Nisekoi “CLICK” ficou somente em sétimo em sua primeira semana de vendas.😦

      Eu admito que Shingeki me agradou, mas nada comparado a um Railgun, por exemplo, só que eu achei a mobilização feita tão grande que realmente me surpreendeu muito. Pode ter sido até exagero da minha parte, mas minha surpresa foi tão grande que acho que cult era o que melhor termo que poderia descrever este sentimento. E a trilha sonora é fantástica mesmo, não há como não elogiar😀

      Sobre VVV eu sempre falava uma coisa: Se não acompanharem o animê, pelo menos deem uma olhadinha nas openings, pois é impossível não gostar. Ainda sobre VVV, eu gostei bastante, mas eu fiquei bastante decepcionada no fim, por isso hoje eu acredito que só indicaria mesmo para pessoas que gostam do gênero mecha, no mais, eu teria que pensar mais um pouco lol

      A MadHouse está fazendo um trabalho muito bom com Hunter x Hunter, não é pra menos que quem está acompanhando fica pelo menos 1 hora elogiando o episódio depois de ter visto😄 Acho até engraçado, mas nossa… Madoka! Mal posso esperar o bluray para rever em boa qualidade o terceiro filme. Lembro muito bem do seu texto a respeito da animação no “Análises em Geral” do NETOIN e foi como você disse, Carlírio, é difícil defender a Homura depois de tudo que ela fez, mas também não dá pra julgar sem mais, nem menos. Tem motivações profundas dentro dela que é complicado analisar, mas talvez a ending do filme, a música Kimi no Gin no Niwa das Kalafina, consiga ilustrar um pouco melhor das razões pela sua rebelião contra deus. ^^

      Obrigada por tudo e até breve o/

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s